quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

De 2013 e das resoluções futuras

Achei: 
2013 já foi. “Passou rápido” como costumamos dizer.
Não passou.
O ano passado levou doze meses para chegar ao fim e muita coisa aconteceu nesse tempo.

Lá pelos primeiros meses de 2013, uma sucessão de desventuras num único dia me fez acreditar que este não seria um ano bom. Bem, eu estava errada.
Consegui completar resoluções de 2012 e isso já é bom.
Obtive conquistas importantes na área profissional e confirmei que dedicação e vontade fazem muitas coisas pelos nossos sonhos. Passei a morar só e a me tornar responsável pelas contas e a conviver com as consequências das minhas escolhas e da solidão. 
Conheci alguém. Alguém que se tornou importante e que está fazendo parte da minha história. Surpresa boa, digo.
Mantive amizades. Conheci muita gente bacana.
Tive uma triste e irreparável perda no último mês do ano.
Mas 2013 foi um ano muito bom.

2014 chegou com a mesma rapidez que 2013 ficou para trás.
Um ano novo é sinônimo de renovação, expectativas, planos que não deram certo sendo refeitos e sonhos vivos. Sonhos sempre vivos.
Para o ano que está em curso fiz uma lista nova de resoluções. É importante não esquecer de nada. Não esquecer do que é importante. Do que é vivo dentro de nós e nos faz respirar.

Uma lista de coisas importantes e essenciais na vida de qualquer sonhador.

0 comentários: